16 de mar de 2016

Saga Rocky - Parte 1 - The Italian Stallion Rises

author photo




"YO, ADRIAN!" Quando vocês ouvem a palavra "boxe", o que vem à mente? Só o esporte? O Popó? Porquê, na minha, apenas me vêm esses filmes. Hoje falarei de dois filmes dessa fantástica sextologia do Rocky Balboa.

"Mas titio Marvin, porquê só dois se a saga tem seis?", boa pergunta jovem gafanhoto/libélula. Eu vou fazer três posts pelo fato da saga ser dividida em "momentos" a cada dois filmes, com excessão de Rocky V e Rocky Balboa (A.K.A Rocky VI), o quais vou falar dois dois em um só, embora diferentes, pra não alongar. Então, nada mais justo do que focar nesses "momentos" do que na saga como um todo.

Rocky (1976)


Escrito, dirigido e estrelado por Sylvester Stallone (um dos meus brucutus favoritos), Rocky conta a história do personagem título que sonha em ser boxeador, bom, não exatamente sonha, mas ele ama o boxe como se fosse sua família mais próxima. Ele era um pugilista desconhecido até ser desafiado pelo até então campeão Apollo Creed a disputa do título. Mais além disso e já to dando spoiler hahaha.

Esse filme é simplesmente fantástico. Claro, como primeiro filme tem seus maiores defeitos, furos e tudo o mais, porém, se parar para prestar atenção na lição de vida passada por ele, vai se apaixonar como eu me apaixonei. Cada take, cada frase, cada cena, tudo foi feito com o maior cuidado do mundo, um roteiro que saiu da sarjeta para o tapete vermelho do Oscar não é de se menosprezar. Além de tudo, os personagens, extremamente carismáticos, te farão derreter com toda a graça, parecendo que é um simples filme B/C de romance.

BEM diferente do Braveheart, né? Pois é, os filmes do Rocky são um pouco mais densos, mais cheios de vida, por assim dizer. A análise desses filmes será bem diferente da primeira postada. Mas eu prometo que, após lerem, não irão se arrepender nem um pouco se procurarem e assistirem. Dou minha palavra!

Rocky II (1979)



Infelizmente, meus bebês, não poderei dar a sinopse desse filme, ele é uma continuação direta do primeiro, então, qualquer coisa que eu falar relacionado a história dele, será um spoiler direto do anterior. Embora eu já tenha falado sobre a Regra dos 5 anos no post sobre Braveheart... Nah, deixa, vou poupá-los disso, essa saga é boa de mais para ser estragada assim.

Rocky II, pra mim, é ainda melhor do que o seu antecessor, embora seja difícil de acreditar. Depois de toda a trama passada no primeiro filme, o segundo tem a obrigação de dar uma lição de vida ainda mais poderosa para quem está assistindo. Mas não é uma lição qualquer como "Não beba se for dirigir", mas sim uma daquelas que, quando perceber que está em uma situação parecida com a mostrada ou mesmo que seja difícil, você irá se lembrar de onde aprender a como sair dela. Rocky II tem um roteiro fabuloso (vão ler muito isso ao longo dos posts), uma fotografia genial e um elenco fantástico, lógico.

Para por um fim no post, apenas quero dizer uma coisa: se você aí que está lendo ainda não viu esses filmes, pelo amor do santo Newton, COLOQUE AGORA MESMO ELE NA SUA LISTA OBRIGATÓRIA! Aliás, ASSISTIA AGORA MESMO! SAI DAQUI E VAI ASSISTIR! Garanto que não se arrependerão.

Sobre o Autor: 
Marvin Marvin. (Quase) Engenheiro, e entusiasta dessa maravilha que é a Física. BTW, ONDAS GRAVITACIONAIS!
Proxima Proxima
Anterior Anterior